Chapecó e Região Convention & Visitor Bureau

Notícias

01/Jan

Turismo de negócios atrai 180 mil pessoas por ano em Chapecó

"Turismo de negócios atrai 180 mil pessoas por ano em Chapecó"

Variação entre um mês com poucos eventos, e outro com vários, chegou a 35% em 2018.

O setor turístico em Chapecó se fortalece com o desenvolvimento de inúmeras atividades. As paisagens, opções de lazer, gastronomia e cultura fazem do município uma opção turística regional.

Porém, é o turismo de negócios que mais atrai visitantes. Ao todo, cerca de 180 mil pessoas visitam Chapecó por causa dos eventos promovidos na cidade.

Para ter uma ideia do quanto isso impacta na nossa economia, vamos usar como exemplo a arrecadação do imposto sobre serviços (ISS) dos hotéis. Dados da Diretoria de Tributos mostram que a variação entre um mês com poucos e outro com vários eventos, chegou a 35% em 2018. Em outras palavras, o faturamento da rede hoteleira no mês de setembro de 2018, por exemplo, quando Chapecó sediou a Feira Mercoagro, foi de R$ 1 milhão a mais do que em junho, quando não houve nenhum evento de grandes proporções na cidade.

Conselho de turismo

Como forma de incentivo a realização de grandes feiras e eventos que movimentam o turismo, os negócios e em consequência a economia, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo, conta com o Conselho Municipal de Turismo (Comtur).

Setor

Organizando e fortalecendo o desenvolvimento dessas ações, o Comtur é composto por 11 entidades, exerce o papel de apoio e organização ao setor em questões como apresentações de projetos relativos ao turismo, ajustes de normativas, atualização da legislação e apoio na realização de eventos consolidados que movimentam a economia do Chapecó.

De acordo com o Secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Marcio Sander, em 2018, o Conselho realizou 12 reuniões, recebeu diversas solicitações e promulgou 89 resoluções. “O Comtur faz um trabalho fundamental em Chapecó. A partir das iniciativas do Conselho, são deliberadas questões de incentivo ao turismo, o que impacta diretamente no desenvolvimento socioeconômico. Esse resultado fica em nosso Município, gera mais renda e influencia direta na geração de empregos”, diz.

Como o Comtur ajuda na economia?

A partir do momento que as isenções de taxas de manutenção e locação para o Parque da Efapi ou Centro de Cultura e Eventos são concedidas, a entidade ou empresa realizadora garante a viabilidade do seu evento ou feira. Este é um custo adicional que ela deixa de pagar e consegue assim redirecionar o investimento para a execução de sua proposta. Como tudo faz parte de uma cadeia de negócios, com a realização de uma feira de grande porte, mais pessoas circulam pela cidade, girando a engrenagem da economia. “Quando recebemos um evento em Chapecó estamos apoiando uma iniciativa, impulsionando o desenvolvimento do setor e gerando oportunidades. Junto a esses eventos que escolhem a nossa cidade como sede para a sua realização, vem centenas de empregos diretos e indiretos que melhoram a renda e a qualidade de vida dos Chapecoenses”, explica Vania Vaccari Menta, Presidente do Conselho Municipal de Turismo.

Fonte: http://www.diariodoiguacu.com.br/noticias/detalhes...



Outras Notícias

06
Ago
Chapecó sedia evento técnico de referência na suinocultura
Chapecó sedia a partir de hoje, até está quinta (8), 12º Simpósio Brasil Sul de Suinocultura. O evento reúne as mais importantes discussões relativas aos... Leia Mais
10
Jul
Chapecó mostrará ações de sustentabilidade na Cúpula Mundial de Cidades
O prefeito Luciano Buligon é uma das 300 autoridades mundiais (14 da América Latina) convidadas para a Cúpula Mundial das Cidades (10th World Cities Summit... Leia Mais
04
Jul
Bem Casados 2019 é marcada pela tecnologia e sustentabilidade
Bem Casados 2019 é marcada pela tecnologia e sustentabilidadePara a próxima edição, a comissão organizadora tem o desafio de tornar a feira LixoZeroO maior... Leia Mais
02
Jul
Águas termais impulsionam turismo de inverno
Mesmo com a agroindústria e a produção agrícola no topo da economia regional, o Oeste também aposta no desenvolvimento do turismo pelas águas termais.Nas... Leia Mais

Nossos Parceiros